Home Elétrica [Mundial] Veja como foi a WorldSkills São Paulo 2015 no setor Elétrico
[Mundial] Veja como foi a WorldSkills São Paulo 2015 no setor Elétrico

[Mundial] Veja como foi a WorldSkills São Paulo 2015 no setor Elétrico

56
12

Entro os dias 12 e 15 de agosto de 2015 São Paulo recebeu a maior competição de profissões do mundo a WorldSkills e o Brasil fez bonito, com 27 medalhas no total o Brasil foi o que mais medalhas conquistou na 43ª Edição do evento. Foram 11 medalhas de ouro, 10 de prata e 6 de bronze e olha só, Uma das 11 de ouro foi do Carlos Júnior que representou os eletricistas instaladores. Esta foi a melhor performance do Brasil na competição desde 1983 quando participou pela primeira vez do evento

O SENAI foi juntamente a WorldSkills foi o responsável nacional pela organização do evento que reuniu competidores e visitantes do mundo inteiro.

WorldSkills – Medalha de Ouro para o Eletricista

Dois representantes de nossa profissão marcaram presença em 2015 neste evento, o Carlos Júnior na categoria Eletricista Instalador e o Lucas Silva na categoria Eletricista Industrial, eu acompanhei parte do evento e trouxe para você, assista abaixo:

Este evento reuniu 1192 competidores de 59 países competindo em 50 ocupações, abaixo você confere algumas fotos que eu registrei neste evento que foi simplesmente incrível:

WorldSkills São Paulo 2015

Medalha de Ouro para eletricista instalador

Na categoria do Setor Elétrico tivemos uma conquista incrível, o Carlos Júnior conquistou a medalha de ouro ao completar sua atividade com perfeição e profissionalismo

WorldSkills São Paulo 2015

A WorldSkills contou também com diversos patrocinadores que marcaram presença e apoiaram este evento transformando-o em um incentivo para os estudantes e profissionais em todo Brasil.

Dentre outros player do mercado, a Fluke, bastante conhecida em nosso setor, foi uma das apoiadoras desta competição acreditando na capacidade dos profissionais e tornando possível a realização da 43ª edição deste evento. 12 categorias de profissionais contaram com equipamentos da empresa.

Nesta imagem abaixo o competidor usa o aparelho Fluke para realizar sua atividade:

 

worldskills São Paulo 2015

Parabéns a todos

Parabéns ao Carlos Júnior e a todos os demais competidores que representaram nosso país neste evento que com certeza marcou nosso país pelo profissionalismo e competência.

(56)

Eng ° Everton Moraes Fundador da Sala da Elétrica. É um engenheiro eletricista que dedica boa parte de seu tempo à produção e partilha de conteúdos de grande qualidade para multiplicar seu conhecimento com os amantes da Eletroeletrônica. "Acredito firmemente que é ensinando que se aprende"

Comment(12)

  1. Bom dia Everton, faço minhas as palavras do amigo Jaison Peirão, isso mostra que os nossos profissionais tem excelente nível de conhecimento e capacitação pra competir com o mundo parabéns a todos um forte abraço.

  2. Eu competi com e Carlos rapaz na fase nacional da olimpíada, foi uma experiencia muito boa, fiquei em 10° , mesmo assim satisfeito com meu desempenho, hoje na vida profissional uso muitas coisas que aprendi na olimpíada…

    1. Show de bola Lucas, 10° é excelente, não cheguei a participar no nacional mas participei no estadual e na minha primeira olimpíada fiquei em 13° [por causa de um temporizador] rsrs

  3. Olá pessoal, gostaria de esclarecer uma duvida com vcs, é que eu fiz uma medição em um trafo com uma saída no secundario em 12volts e a outra de 24 volts, isso é o que me informaram, pois o trafo não possui nenhuma etiqueta informando suas caracteristicas, mas o estranho é que ao fazer as medições no local informado que seria 12vac constava menos de um volt e no local que segundo a informação seria 24 vac constava apenas 3 vac e estranho ainda é que estava tudo funcionando bem, as duas saídas alimentando uma resistencia , coloquei tambem uma lampada de 12volts na saida que segundo o informado era de 12volts e a danada NÃO acendeu, como isso se o trafo ta funcionando? não entendi?

  4. desculpa a indelicadeza, quero parabenizar ai os dois competidores que representaram no nosso país, e so pra dá uma cutucada, a pouco tempo eu vi que nos estados unidos, nossos cursos sejam tecnicos ou graduação nã valem de nada quem for pra lá tem que começar do zero eles não levam em consideração o diploma brasileiro mas quem se destaca nestes tipos de atuação são os brasileiros cade os estados unidos porque não ficou na frente do Brasil? KKKKKKKKKKKKK

  5. Caro Everton, meus parabéns! Estive também na World Skills deste ano em São Paulo. Participei da montagem e fiquei como apoio técnico da (#18) Skill de Eletricidade Predial. Sua visão de futuro demonstra o que as escolas de ensino profissionalizante devem almejar em termos de metodologias. Se alguém desejar, possuo fotos e vídeos também da WorldSkill, é só me enviar um gmail que eu compartilho no google drive.
    Atenciosamente,

    1. Prezado Magno, trabalho na Unidade Senai em Pedro Leopoldo a 11 anos como Instrutor. Sou formado em Engenharia Elétrica e temos em nossa Unidade o campeão mundial da modalidade eletricidade Predial: o grande Carlos Júnior! Peço que você compartilhe o que puder: soliveira49@gmail.com. Um abraço.

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *