ENERGIA ELÉTRICA – 127 ou 220V QUEM CONSOME MAIS?

Por muitas vezes sou questionado sobre o consumo de energia elétrica e as várias formas viáveis para sua redução, para o uso consciente deste recurso e também (É Claro!!), a fim de obter economia, redução na conta. O segredo mesmo todos nós já sabemos: o uso racional da energia elétrica com a redução do tempo de utilização do chuveiro, substituição de eletrodomésticos antigos (geladeiras, freezer, etc…) ou até mesmo uma re-instalação de toda infraestrutura elétrica. Mas  a ideia de criar este artigo nasceu em função de uma pergunta que recebi há algum tempo de um de meus alunos enquanto explanava sobre Potência Elétrica em um treinamento de Instalações Elétricas, a pergunta foi mais ou menos assim:

Um equipamento em 220V é mais econômico do que em 127V?

Esta dúvida é muito comum e você pode se surpreender com o que vamos abordar neste artigo.

POTÊNCIA ELÉTRICA

Definição: “Potencia elétrica é a capacidade que um determinado consumidor possui de produzir trabalho a partir da eletricidade em um determinado tempo”

Vamos relembrar um conceito muito importante para sanarmos esta dúvida: Quando estudamos a potência elétrica em corrente contínua aprendemos em instalações elétricas que a corrente ao passar por  material condutor provoca o chamado “Efeito Joule” que representa o aquecimento em função da excitação dos elétrons na estrutura do condutor, correto? O conceito de potência é a base de funcionamento dos consumidores em geral, mesmo em circuitos eletrônicos que possuem baixíssimas correntes e tensões a potência está lá. Daí somos apresentados a uma equação (fórmula) que expressa exatamente este fenômeno, esta abaixo:

energia elétrica

A FINAL, QUAL CONSOME MAIS ENERGIA ELÉTRICA , 127 OU 220V?

Nenhum! Mudar o nível de tensão objetivando redução do consumo de energia elétrica é na verdade perda de tempo, observe que sua conta de energia elétrica está baseada em KW/h ou seja, o valor da conta de energia elétrica será em função da Potência Elétrica que os seus aparelhos eletrodomésticos, máquinas, etc, consomem, sendo assim a tensão elétrica não irá interferir no seu bolso no final do mês.

Observe no exemplo abaixo, um chuveiro em 220V e um outro  com mesma potência em 127V. A única alteração que observamos é o nível da intensidade da corrente, a potência será sempre a mesma, logo, o consumo também não irá alterar.

energia elétrica

ENTÃO PORQUE UTILIZAR NÍVEIS DIFERENTES DE TENSÃO?

Esta é fácil de responder. Observe novamente o cálculo acima… O que mesmo mudou nas duas situações? Exatamente! A corrente elétrica foi o fator que diferenciou as duas situações. Neste caso temos que lembrar que em instalações elétricas, o dimensionamento de condutores está diretamente ligado a corrente que ele suporta, neste caso acima teríamos uma necessidade de um condutor de 4mm² para o chuveiro de tensão nominal 220V, já que este condutor suporta até 28A e um cabo de 6mm² para o chuveiro aplicado a  tensão de 127V.

Sendo assim,  aplicação preferencial de maior nível de tensão a consumidores de maior potência se dá em função de, principalmente, redução dos custos e da inviabilidade técnica na implantação dos fios ou cabos e não para a redução da energia elétrica como muitos costumam dizer.

energia elétrica

Deixa eu te provar este conceito! as hidroelétricas transportam a energia elétrica gerada através de torres de transmissão que muita das vezes possui um nível de tensão de 500kV, isto porque se transportasse a mesma potência através de tensão mais baixas teria que utilizar cabos imensos que não tornaria viável o transporte aéreo.

Siga-me

Eng ° Everton Moraes

Engenheiro Eletricista at Sala da Elétrica
Fundador da Sala da Elétrica. É um engenheiro eletricista e blogueiro de 29 anos que dedica boa parte de seu tempo à produção e partilha de conteúdos de grande qualidade para multiplicar seu conhecimento com os amantes da Eletroeletrônica.
"Acredito firmemente que é ensinando que se aprende"
Siga-me

Comentários

  1. Rafael disse:

    E muito bm que tenha pessoas iguais a vcs dispostos a compartilhar o bm mas precioso o conhecimento valeu

    1. Eu que agradeço Rafael, seja seja sempre bem vindo…

  2. Sou um apaixonado por elétricaeletrônica desde da minha infância,fazia das pilhas e lampadas de lanternas iluminação de ruas e as pilhas era meu gerador de energia,instalava chaves liga-desliga,postes passava fios e torres de transmissão e depois disso nunca mais deixei de trabalhar com eletricidade e eletrônica,não sou um engenheiro mas sou técnico,gosto muito da minha profissão.No dia a dia do meu trabalho tenho muitas surpresas vou aprendendo mais, tenho 57 anos não quero parar de trabalhar. Um abraço………………………………………………..

    1. Olá Rubens! Também sou apaixonado por esta área e sem dúvidas é o que me motiva a estar aqui com vocês, muito Obrigado pela visita e até uma próxima.

  3. Marcus Cunha disse:

    Excelente matéria. Tenho certeza que você tirou a dúvida de muitas pessoas, inclusive a minha.
    Sigo o site já algum tempo, pois vocês tem boa matérias e como eu trabalho com motores elétricos, me ajudou.
    Continuem com o ótimo trabalho, pois nada é mais gratificante do que passar conhecimento às outras pessoas.

    1. Olá Marcus! muito obrigado pela mensagem, estamos trabalhando para melhorar a cada dia , ainda temos muito que aprender…. Até a Próxima…

  4. André disse:

    Olá! Dois comentários:
    1) A potência demandada pelo equipamento é a mesma em 127 V ou 220 V; porém, a perda nos condutores pela corrente 1,73 vezes maior em 127 V nem sempre é desprezível.
    2) “Perca” de tempo é, na realidade, perda de tempo… :-)

    Abraço
    André

    1. Olá André obrigado pelas observações, como eu disse no texto, o consumo de energia não tem referência direta em relação a tensão, a corrente elétrica será o fator principal a ser observado e com certeza não será desprezível.

  5. Olá Everton,

    Parabéns pelo trabalho, excelente o seu blog. Sou profissional de instalações elétricas residenciais, com o diferencial de automação adequada para cada situação. Gosto de trabalhar com este perfil de cliente principalmente pelo fato de dividir conhecimentos. As pessoas merecem aprender coisas novas todos os dias.

    Grande abraço.

    1. Obrigado Luiz Edésio! Também gosto bastante desta área…. No que depender de mim a Sala da Elétrica terá cada vez mais conteúdo de qualidade para auxiliar todos os leitores….

  6. Lucas Silva disse:

    Olá, muito obrigado pelas dicas.
    Vou termina meu técnico em eletrotécnica e pretendo fazer o concurso da Petrobras, será que vc poderia corrigir algumas questões dos concurso passado, explicando detalhadamente ?
    Ficaria muito grato.

    1. Boa idéia Lucas, vou tentar criar uma vídeo aula explicando uma determinada prova de concurso público… Obrigado pela dica…

  7. Carlos fontenele disse:

    Então, parabéns por todos os posts sou fã da pagina, passo por aqui quase todos os dias, sou tecnologo em automação e fico melhor no que faço cada vez que passo aqui com suas informações

    1. Olá Carlos! tudo bem??? Esteja sempre a vontade para visitar-nos e perguntar/comentar sempre!!! Um forte abraço e Até a Próxima….

  8. Paulo disse:

    Parabéns pela iniciativa, merece o Prêmio Topblog Brasil 2013.

    1. Muitíssimo obrigado Paulo, Estou trabalhando para tornar a Sala da Elétrica um site de relevância para todos da área…

      Já estou muito contente com a interação de todos vocês nas redes sociais e aqui no site com os comentários, o Top Blog seria muito bom mesmo mas eu tenho paciência e tenho muita esperança de que a Sala da Elétrica irá crescer muito…
      Um Abraço

      1. Jader disse:

        Excelente site prof!!!

  9. marcio disse:

    Ola abençoa esta de paraben lovado seja aDEUS pela sabedoria que tem demostrado nas explicaçoes vou prestar umma prova estou em Duvida referente qual curso tecnico fazer eletroeletronica ou eletrotecnico ou tecnico automação.
    que o colega me auxiliaria no momento

  10. josé Donizete da Silva disse:

    Sou eletricista, depois que conheci a sala da elétrica agora quero cada vez mais conhecer, coisas novas,queria fazer cursos de atomação industrial, Everton por gentileza me indique um sait, para que eu posso me iniciar obrigado.

    1. Para ser sincero ainda não conheço nenhum site com cursos de automação industrial mas recentemente criei um blog com estes assuntos, dê uma olhada: Sala da Automação

  11. Sérgio L. Costa disse:

    Boa Tarde, Everton!

    No exemplo de potência elétrica segue em corrente continua, como ficaria em corrente alternada.

    atenciosamente.

    1. Para o exemplo do chuveiro pode ser considerado o mesmo para corrente alternada, pois para cargas resistivas a potência gerada será “sempre” a potência Ativa somente.

  12. Paulo Sérgio disse:

    Quero parabeniza-lo pelo site, ele é muito instrutivo e com boas informações na área de Elétrica. Espero que possamos contar sempre com pessoas como vc, que não guardam informações e conhecimentos. Abraço.

    1. Muito obrigado Paulo, no que depender de mim estarei sempre aqui para ajudá-los… Um forte Abraço

  13. Wellington H Silva disse:

    Muito legal Everton, não ”expert”, estou no 2º ano de Eng. Produção, acabei de estudar isso em Física e Física Experimental!

    se não fosse essas materias que acabei de estudar, acho que não entenderia muito bem o que se fala nesses post.

    vlw

    1. Legal! este assunto é bastante interessante e é uma dúvida muito comum… Obrigado pela visita

  14. FERNANDO disse:

    Meus caros colegas por ventura vc tem algum programa gratuito para se trabalhar com eletrica em autocad, pois os que conheço são muito caro, Obrigado

  15. Lenine Santiago Duarte Nazareno disse:

    Oi Everton, td bom?

    Amigo, tenho um problema na minha casa, pois moro no primeiro andar e não tenho como fazer um aterramento para o meu chuveiro. O que fiz foi aterrar no neutro, pois sei que este é aterrado pois não existe neutro sem aterramento pois é isto que dá o potencial zero para o mesmo. Mas sei que isto não recomendado, embora não entenda o porquê, de qualquer forma, existe algo que eu possa fazer para resolver este problema?

    Abraço e parabéns pelo site! Coloquei no meu Favoritos.

    1. Muito Obrigado Lanine, bom, o correto é tentar passar o terra eficiente em toda a instalação vinda do relógio padrão, qualquer coisa fora disto está em desacordo com a NBR5410.

  16. edvaldo garcia disse:

    ola nao me arependo em me cadastrar no site e otimo sou eletronico a 30 anos e me ajuda no site…..gostaria de baixar curso completo de eletrica trifasica estrela delta como funciona tudo isso e pq se usa trifasico numa industrial isso boa tarde

  17. lucas disse:

    ola gostaria de saber pra que serve aquele modulo RC na contatora

  18. Alexandre disse:

    Os comentarios feitos pelo plugin do facebook nao estao aparecendo !!!!

  19. Adnael disse:

    Na realidade lendo esse conteudo que achei muito interessante, me restou uma duvida comprovada com um equipamento, no caso de maquinas como por exemplo lixadeira quando utilizada na tensão de 127V aparentemente força e rotação em relação a uma de mesma marca e potencia mas na tensão de 220V, parece ser menor. É possivel?

    1. Olá Adnael, na teoria não poderia ser diferente levando em consideração que o motor do equipamento será sempre alimentado com um nível “x” de tensão e a seleção da tensão vai estabelecer somente a possibilidade de utilizar como alimentação 127 ou 220V, não altera-se então a tensão de trabalho do motor… mas qual o equipamento que você notou esta diferença?

  20. ROBERTO disse:

    Muito bom meus parabens, e continue nos ajudando.

    1. Obrigado Roberto. Pode deixar que no que depender de mim estarei sempre por aqui. Um Abraço

  21. marcio disse:

    gostaria de fazer uma pergunta tenho 03 fases uma com 128 Amp ,outra COM 108 Amp,outra com 118 Amp, estou com pouca carga no neutro .
    O neutro tem só 25 Amp, posso passar parte dessa rede para 127,exemplo iluminação.
    Para que eu possa baixar a tensão,o padrão suporta até 135 Amp.
    Aguardo ajuda. abraço. Márcio.

  22. Théo disse:

    Everton excelente sua explicação, agora gostaria de saber, com cálculos, o que acontece quando colocamos um equipamento 127V EM 220V, (QUEIMA), Agora com cálculos convincentes.
    Desde de Já agradeço.

  23. Brian Freitas disse:

    Mais um excelente artigo!
    Coisas que infelizmente não vi em 5 anos de curso, aprendi aqui no site…