Home Eletricista Autônomo Diferença entre tomadas de 10 e 20 ampères
Diferença entre tomadas de 10 e 20 ampères

Diferença entre tomadas de 10 e 20 ampères

0
7

A diferença entre tomadas de 10 e 20 ampères se dá com certeza nos momentos que você já se deparou com situações como: ligar um aquecedor, geladeira, micro-ondas, forno elétrico, um secador de cabelo, uma chapinha, e percebe que o seu plugue não encaixa na tomada.

Pois bem, certamente você não é o único que passou por isso. E nesse momento pensamos: “Porque existem espessuras de plugues e tomadas diferentes? Para que isso? Precisa mesmo?

Mas você precisa resolver seu problema, você precisa usar aquele equipamento. Então você vai, compra uma tomada de 20A, instala no lugar da de 10A e pronto! Problema resolvido.

ERRADO! Os pinos do plugue devem ser mais espessos, aquela tomada precisa ser de 20A por uma razão.

Neste artigo trataremos de algumas particularidades relacionadas as tomadas residenciais de 10 e 20A, para que assim você consiga entender porque existem espessuras diferentes de tomadas, e porque não se deve simplesmente trocar ou usar um adaptador.

Qual a diferença entre as tomadas de 10 e 20 ampères?

Uma tomada elétrica é um ponto de conexão que fornece eletricidade a um plugue.

As mais comuns têm dois terminais, fase + neutro (no caso de monofásico), ou fase + fase (no caso de bifásico).

Temos também algumas tomadas e plugues que têm um terceiro pino, denominado “terra”.

Existem também outros tipos de tomadas com mais terminais, como o de 3 (corrente trifásica), 4 ou mais, normalmente para uso na industrial.

O objetivo de diferenciar as tomadas de 10A e 20A é evitar que os equipamentos com plugues de 20A (maior potência) sejam inseridos em tomadas de 10A (menor potência).

Não é recomendado, mas os plugues de 10A podem ser conectados nas tomadas de 20A.

Foi necessário criar esta distinção para garantir a segurança dos consumidores, evitando desta forma que os equipamentos de maior potência sejam ligados em tomadas que fornecem menor potência.

Plugues e tomadas padrão 10A

tomadas de 10 e 20 ampères

O padrão de 10A têm plugues com pinos menores e tomadas com orifícios menores ( diâmetro: 4 mm).

Este padrão é utilizado pela maioria dos equipamentos do dia-a-dia (como TV’s, carregadores de celular, computadores e etc.).

É recomendado este tipo de tomada em ambientes como salas, quartos, escritórios.

Em uma tomada de 10A, a capacidade de corrente total dos equipamentos conectados a ela não deve exceder 10A.

A potência máxima permitida em 127V é de 1270W (127V*10A), e para 220V a potência máxima permitida é de 2200W (220V*10A).

Plugues e tomadas padrão 20A

tomadas de 10 e 20 ampères

O padrão de 20A têm plugues com pinos e tomadas com orifícios mais grossos (diâmetro: 4,8 mm).

Este padrão é utilizado por equipamentos que exigem maior capacidade como geladeira, micro-ondas, aspirador de pó, forno elétrico, máquina de lavar roupas, secadoras e etc.

É recomendado ter este tipo de tomada em ambientes com equipamentos que exijam maior capacidade como cozinhas, banheiros e lavanderias.

Não se deve fazer uso de vários aparelhos ligados à mesma tomada de 20A.

Cada equipamento elétrico cuja corrente nominal seja maior do que 10A, deve ter um circuito elétrico em específico para este equipamento.

Em uma tomada de 20A, a capacidade de corrente total dos equipamentos conectados a ela não deve exceder 20A. A potência máxima permitida em 127V é de 2540W (127V*20A), e para 220V a potência máxima permitida é de 4400W (220V*20A).

Padrão brasileiro de tomadas e plugues

Antes da padronização, o consumidor tinha mais de doze tipos de plugues e oito tipos de tomadas diferentes, o que tornava necessário o uso indevido de adaptadores.

Em alguns casos, os formatos e as potências distintas dos equipamentos tornavam o ato de ligá-los uma ameaça à segurança do usuário.

Desta maneira, entendendo o impacto que a mudança poderia originar, o Inmetro resolveu certificar os adaptadores, fazendo com que a transição fosse mais tranquila.

E logo foram adotados os novos padrões de tomadas e plugues.

Este novo padrão adota alguns critérios para evitar que o usuário tenha problemas de segurança.

Leia também: Posição correta dos cabos das tomadas

Tomadas e plugues específicos

Além de utilizar uma tomada e plugue específico para cada tipo de equipamento, deve-se atentar aos cabos que ligam as tomadas.

O novo padrão brasileiro de tomadas visa evitar acidentes com choques elétricos, e para tal as tomadas possuem um novo formato, em poço.

Esse formato dificulta assim, o contato do dedo com a corrente elétrica, e impedir que seja inserido somente um pino do plugue.

Os novos plugues têm um sistema que evita sobrecarga e aquecimento, também propiciam melhor acoplamento com seus terminais.

Esses fatores tornaram o plugue mais seguro e também econômico, uma vez que eles evitam a perda de energia.

Cabos das tomadas

Quando se faz a instalação de uma tomada 20A por exemplo, temos que nos preocupar tanto com a tomada quanto com os cabos que vão ligar essa tomada.

Para evitar o sobreaquecimento dos cabos, deve-se adotar um padrão de diâmetro.

LARGURA DO FIO CONDUTOR SUPORTA (SEM AQUECER)
1,5 mm² 15,5 ampères
2,5 mm² 21,0 ampères
4,0 mm² 28,0 ampères
6,0 mm² 36,0 ampères
10,0 mm² 50,0 ampères

Conclusão

Imagino que depois de ler este artigo você ficará mais atento, e com certeza, vai observar com outros olhos a diferença entre as tomadas de 10 e 20 ampères.

Compartilhe esse artigo sobre tomadas com seus amigos para que eles também possam entender melhor os motivos de existir as diferenças entre tomadas de 10A e 20A.

Para saber um pouco mais sobre as tomadas assista ao vídeo abaixo e leia também o artigo “Posição correta dos cabos das tomadas” onde você irá adquirir mais informações sobre este componente.

Diferença entre tomadas de 10 e 20 ampères
5 (100%) 8 votes

Engª Camila Andrade Engenheira de 29 anos. Formada em Engenharia Elétrica pelo Centro Universitário da FEI. Atualmente na área de redação e suporte técnico da Sala da Elétrica. Atuou em: Área de Engenharia de processos na WEG, pós vendas e suporte técnico, redação de manuais de bordo automotivo, manual de reparos automotivos e também desenvolvimento de esquemas elétricos automotivos.

Comment(7)

  1. Boa noite Everton, assisto muito seus videos e para este ultimo que assisti Diferença entre tomadas de 10 e 20 ampères, gostaria de acrescentar o seguinte: dentro do paragrafo Plugues e tomadas padrão 20A
    É também importante a instalação de tomada 20A em área de lavanderia em função de lava-roupas e secadoras.

    1. Olá Paulo, tudo bem?
      Realmente em lavanderias é necessário ter pelo menos uma tomada de 20A pois as máquinas de lavar roupas precisam deste tipo de tomada.
      Muito obrigada pela dica.

      Att,Engª Camila Andrade
      Equipe Sala da Elétrica.

  2. Obrigado. sempre quando posso dou uma olhada na sua pagina. Sucesso ai o seu trabalho é muito bom. sugestão poderia fazer ai um manual de instalador elétrico seria útil para todos nós, Bem simples para residencial e predial somente. Forças ai. Nunca se esqueça o comandante está la em cima e pede que vivamos lucas 9:23. Forças ai!!!
    Dilermando Melo

    1. Olá Dilermando,
      Muito obrigada!
      A sua sugestão foi inserida em nossa lista de conteúdos. Obrigada pela dica.

      Att, Engª Camila Andrade
      Equipe Sala da Elétrica.

  3. Bom dia a todos, excelente site bastante interessante e didático, parabéns aos idealizadores e redação. Uma dúvida, para que serve ou qual a diferença entre uma tomada cor clara e uma de cor vermelha?

    1. Olá Fernando, tudo bem?
      Na verdade a cor vermelha é apenas para facilitar a diferenciação de circuitos. Comumente as pessoas usam as tomadas vermelhas para circuitos 220V, mas isto é apenas para diferenciar.

      Att, Camila Andrade
      Equipe Sala da Elétrica.

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *