Home Eletricista Autônomo Orçamentos de Instalações Elétricas = Estratégia

Orçamentos de Instalações Elétricas = Estratégia

994
7

Ao longo dos últimos meses venho trabalhando para conseguir demonstrar aos meus seguidores como o Orçamentos de Instalações Elétricas pode e deve ser visto como estratégia de negócio. Costumo dizer que o grande problema é o fato de que profissionais da área técnica não gosta e não sabe vender corretamente e este é o grande problema.

EAE 300×250

Recentemente criei uma série de vídeos que dei o nome de “Sacadas EletroFaces“, onde demonstro algumas dicas de como olhar para o negócio em si. Se tornou uma missão para mim ajudar os profissionais eletricistas Autônomos entenderem que não são simplesmente Eletricistas, precisam enxergar que a partir do momento que se colocam no mercado como autônomo se tornam empreendedores.

Orçamentos de Instalações Elétricas é o Principal Problema?

Faz tempo que recebo solicitações de profissionais que desejam se tornar autônomos ou que precisam alavancar seus resultados, particularmente sempre percebi que o maior problema sempre foi o fato de elaborar corretamente o Orçamentos de Instalações Elétricas de maneira a “induzir” o potencial cliente a reconhecer seu trabalho e contratar seu serviço.

Há algum tempo escrevi um post aqui na Sala da Elétrica e intitulei de “5 Dicas para ser um eletricista autônomo de sucesso”, este artigo já teve mais de 57.900 visitas desde quando o escrevi, eu não imaginava o quanto importante este assunto seria para você e para as centenas de milhares de pessoas que acompanham meu trabalho.

O problema é que muitos profissionais não percebem que elaborar orçamento é utilizar a persuasão para convencer seu cliente

Neste caso, aconselho seriamente que assista o vídeo acima para entender o que quero dizer com persuasão. Mas desde já coloque em sua mente que a comunicação e a forma com a qual você trata uma conversa com seu potencial/futuro cliente pode definir se ele vai ou não te contratar, independente do preço que estará cobrando.

Outra coisa que quero que você diferencie a partir de já é: Valor é diferente de Preço. Então se pergunte sempre, “Qual o Valor que o meu cliente enxerga em mim? Será que estou sabendo demonstrar o quão importante é ele contratar minha mão de obra já que eu faço tudo conforme as normas?

Posso te garantir que muito poucos respondem esta pergunta acima claramente. O seu cliente ou futuro cliente não entende nada de normas e leis da área elétrica, se você não demonstrar a ele e até mesmo ensinar ele é óbvio que irá optar por um preço mais baixo ao invés de contratar uma melhor qualidade [Você].

Cabe a nós fazermos o correto

orçamentos de instalações elétricas

Certa vez escrevi o artigo “Como contratar um Eletricista – Guia Absolutamente Completo” eu aconselho que leia para saber pelo menos se você está dentro dos requisitos mínimos que um potencial cliente está esperando de um profissional eletricista. Se quiser poderá simplesmente assistir este vídeo que foi construído com base neste meu artigo  sobre contratar eletricistas.

Um DICA IMPORTANTE, vá para o orçamento com a intenção de educar seu cliente tecnicamente e utilize as 6 dicas que eu falo ao final da Palestra Completa sobre Orçamentos e depois volte aqui para me dizer o que aconteceu.

(994)

Eng ° Everton Moraes Fundador da Sala da Elétrica. É um engenheiro eletricista que dedica boa parte de seu tempo à produção e partilha de conteúdos de grande qualidade para multiplicar seu conhecimento com os amantes da Eletroeletrônica. "Acredito firmemente que é ensinando que se aprende"

Comment(7)

  1. Everton sua planilha 1.1 ficou muito boa. So uma dica, poderia deixa um campo no cabeçalho para colocarmos um falo da logo nossa o orçamento.

  2. Bom dia Everton, agradeço pelas informações do blog, especialmente a respeito de orçamento, mas ainda fiquei com algumas dúvidas.

    O orçamento por hora trabalhada deve ser somada ao ponto ou cobrada apenas a hora mesmo?

    Por exemplo: a substituição de 4 pontos de tomadas (simples) aqui onde eu moro fica em torno de R$35,00 o ponto, ou seja R$140,00 pelo serviço. Se eu cobrar R$50,00 a hora e adicionar ao serviço, vai para R$190,00, o que é considerado caro por aqui.
    Se eu cobrar apenas a hora de serviço (R$50,00) vou ganhar R$90,00 a menos, ou seja, não vou perder dinheiro nisso? Ou pior, não vou estar criando uma concorrência desleal para com os outros eletricistas na região?

    Como devo proceder?

    Obrigado pela atenção.

  3. Everton. Quanto devo cobrar por uma substituição de um padrão trifásico? E no caso de uma planta elétrica como proceder com o valor cobrado, por metro quadrado ou por pontos?

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *